Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Por um Sporting fiel aos seus pergaminhos

Os desabafos de fiéis Leões

Por um Sporting fiel aos seus pergaminhos

Os desabafos de fiéis Leões

"Um dia as coisas irão sair cá para fora" - Eric Dier

eric_dier.artigo (1).jpg

 

"Fui à Academia de Alcochete na quinta-feira de manhã para ir buscar as minhas coisas e despedir-me de toda a gente. O presidente estava lá, cumprimentou-me e não disse nenhuma palavra. Seguiu em frente. Não me desejou boa sorte nem nada, o que é um pouco estranho. Estive no Sporting durante 12 anos e saio sem uma palavra do presidente? Para mim, é estranho". Eric Dier lamenta a forma como deixou o Sporting rumo ao Tottenham.

 

O jovem inglês contou ao jornal 'Record' que foi "muito maltratado" em Alvalade, ao longo dos últimos 18 meses:

- "No último ano e meio fui muito maltratado. Nunca vou esconder isso. Para alguém que estava no clube desde os oito anos e que nunca tinha tido problemas com ninguém... Acho que fui maltratado e as pessoas dentro do Sporting sabem disso. Esta não é a altura certa para estarmos a falar sobre tudo, mas um dia no futuro as coisas irão sair cá para fora".

Apesar destas queixas, Dier disse que o Sporting continua a ser a sua "segunda família" e acrescentou: "O problema nunca foi o dinheiro. Nunca ia tomar uma decisão apenas baseada no dinheiro. Tive várias oportunidades para sair e nunca o fiz. Isso demonstra que não era essa a questão. As cláusulas que o Sporting queria impor é que dificultaram as negociações. Queriam meter cláusulas impensáveis".

 

E continuou: "Uma cláusula de 45 milhões de euros implica um ordenado ao mesmo nível. Além do mais, ficamos completamente presos ao clube. Sou um central e queriam-me pôr uma cláusula de 45 milhões com um salário que não justifica esse valor? Nem pensar. Para mim não faz sentido", justificou.

O defesa relatou que a direção de Alvalade não tentou igualar a proposta financeira que os responsáveis do Tottenham apresentaram e, ao mesmo tempo, "deram a entender" que não tinham interesse na sua continuidade.

 

Elogios a treinador e ex-colega - Em relação ao que deixa para trás, em Lisboa, Dier não poupou elogios a Marco Silva: "É um espetáculo. É fantástico. Toda a gente no Sporting gosta muito dele, da sua forma de trabalhar, da sua relação com o grupo de trabalho. Desejou-me boa sorte e que tudo me corresse bem. É um ótimo treinador. Os treinos e a teoria de jogo são muito bons e tem uma mentalidade muito forte".

Para Eric Dier, o seu ex-colega William Carvalho "tem lugar em qualquer equipa do mundo" e, quanto ao Sporting, desejou que os "leões" sejam campeões nacionais na nova época e garantiu que não vai representar outro clube português:

-"Sou do Sporting, por isso não me vejo a jogar num outro clube em Portugal".

Agosto de 2014

fonte.png

 

 

 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil

O Cantinho de Alkmaar

Por um Sporting fiel aos seus pergaminhos

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D