Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Por um Sporting fiel aos seus pergaminhos

Os desabafos de fiéis Leões

Por um Sporting fiel aos seus pergaminhos

Os desabafos de fiéis Leões

O Brunismo reduzirá o Sporting a pó - por muitos anos

Quando no passado mês de Março, depois de 4 anos surreais, o Srº Azevedo vence as eleições com 86% de votos, e no momento da consagração, utiliza um termo como "bardamerda" para ofender tudo o que não seja sportinguista, fiquei com aquela sensação que foram os próprios sócios que cavaram a sepultura deste centenário clube.

 

A cada dia as evidências de que algo "cheira-mal" estão ai, mas é impressionante a forma como o brunismo conseguiu lavar o cérebro aos jovens que nem sabem o que é o Sporting ou aqueles graúdos mais fanáticos!

 

Com ou sem comissões, o brunismo irá até ao fim, reduzindo o Sporting a pó. Se moralmente, este clube já se encontra nesta condição, na prática, será assim que este se encontrará quando esta "brincadeira" tiver fim. 

 

Porque é inútil continuar a chover no molhado, vamos até evitar aqui no blog, falar em tão medíocre personagem. O blog continuará activo, falando da equipa ou de futebol em geral, mas só mesmo num caso muito inédito é que voltaremos à carga sobre o individuo.

 

Pela nossa própria sanidade.

 

 

PS: Hoje li um comentário de um grande sportinguista que de forma irónica resume muito bem o que vai na cabeça das brunettes:

 

Continuam a negar as evidências. Não adianta. Parecem aquele marido chifrado que só acredita na gaja

Ora vamos lá recapitular...

- Bruno Miguel Azevedo de Carvalho, um mero desconhecido, sem qualquer passado, decide que quer ser presidente do Sporting.

 

- Para isso, este especialista de abrir e fechar empresas de chão-flutuante ou de carpintaria; inventa uns fundos que viriam ou dos EUA ou da Rússia. Milhões era o que não faltava.

 

- Bruno de Carvalho surge também como o rosto que iria cortar com uma suposta dinastia que teve inicio em 1995 - como se os sócios nunca tivessem deixado de serem livres para se candidatarem ou votar em outros candidatos que não estivessem ligados aos projecto Roquette!

 

- Para alimentar ainda mais a imagem de "salvador da pátria", começa a fazer insinuações sobre eventuais actos de gestão danosa durante esse período.

 

- Todos esses anos iriam ser minuciosamente escrutinados com uma auditoria. Aqui, indirectamente, continuou-se a alimentar as dúvidas e a consequente revolta dos sócios do Sporting para com um passado que foi sempre legitimado por eles próprios.

 

- Deste modo, Bruno de Carvalho ganha as eleições.

 

- Até hoje, não se enterrou um único dólar no Sporting.

 

- Bruno de Carvalho mais não fez do que seguir a reestruturação que tinha começado com a anterior direcção.

 

- Afinal, as auditorias pariram um rato, e cada um dos antigos presidentes, por ai continuam nas suas vidas.

 

- Durante este mandato, os perfis-falsos que por ai poluem a inteligência dos sócios e adeptos, apelidaram todo um período da história do Sporting como "o tempo dos croquettes", condicionando a opinião dos sócios e adeptos.

 

- Bruno de Carvalho começa uma luta contra tudo o que são fundos e empresários. Afinal, os fundos até são "meninos maus".

 

- Com esse pretexto, Bruno de Carvalho faz guerras contra tudo e contra todos, iludindo as massas com supostas lutas fundamentais para o Sporting e para o futebol português. 

 

- Ou seja, para Bruno de Carvalho se manter no poder, este cria guerras internas e externas, de modo a ser visto como a única solução viável para o Sporting. Afinal, fora dele, tudo são "croquettes" que ora querem tacho, ora são vassalos do Benfica ou do FC Porto.

 

- Bruno de Carvalho nunca quis até hoje, mostrar o seu IRS de 2012.

 

- Para manter a ordem no regime, Bruno de Carvalho decidiu processar sócios, jornalistas e comentadores. Claro que não ganhou um único processo, mas o objectivo foi conseguido: calar, intimidar ou condicionar quem de si muito sabe e muito pode falar cá para fora. E claro, quem pagou as despesas desses processos perdidos - inclusive contra sócios do próprio Sporting - foi o próprio clube.

 

- A cereja no topo do bolo será, se se confirmar todos os indícios de partilha de comissões com outros empresários. Ai, tudo fará sentido.

Ridículos de Carvalho

 

Este tipo está prestes a ser efectivamente desmascarado, mas boa parte da malta se calhar vai acabar por dizer que o Vieira deve 600 milhões ao BES entre outras do género, e que afinal, sacar umas comissões todos o fazem!

 

Eu duvido que a PJ actue enquanto o individuo lá estiver no poder com o apoio das massas! Enfim, os adeptos deste outrora grande clube, não dão para mais!

 

Uma tristeza.

«Intermediário pede dinheiro para Bruno»

correio-da-manha-2017-11-08-6b86b2.jpg

A ver vamos no que isto vai dar... Mas, tenho poucas dúvidas que há muita coisa debaixo do tapete. Quem se comporta da forma como o ex-presidente Azevedo se tem comportado, não só fica a ideia de que ele é capaz de tudo, como precisa tanto do Sporting como do pão para a boca.

 

Mas o que é uma tristeza, é ver gente que vem com argumentos do tipo: "o Vieira faz isto e faz aquilo"! "E prontes", boa parte dos adeptos são "isto". Ou seja, um completo vazio em inteligência e em sportinguismo. 

 

Por isso é que mais vale relativizar as coisas e até tentar fazer algum humor. Já não me iludo - portanto...

 

Desculpem qualquer coisinha... 

Sócios de Benfica e Sporting - tão distintos e ao mesmo tempo tão incompreensíveis

Há coisas quase incompreensíveis.

 

Talvez o Benfica nunca tenha tido um momento tão bom a nível nacional como nos últimos 4 anos, porque, afinal, o Benfica é pela primeira vez na sua história Tetracampeão Nacional e ainda conquistou duas Taças de Portugal [não conto com Taças da Liga e Supertaças]. 

 

Este Benfica já provou por diversas vezes (independentemente dos meios) que tem capacidade para superar as adversidades, incluindo, já com Rui Vitória ao leme da equipa encarnada.

 

A mesma estrutura que esteve ligada a essas conquistas, para boa parte dos sócios, não merece actualmente o beneficio da dúvida. Em vez de estarem unidos, criam uma absurda instabilidade interna (talvez muito por culpa de uma personagem da estirpe de Rui Gomes da Silva).

 

Repare-se que nos tempos de Koeman, Fernando Santos, Camacho, Chalana e Quique Flores; em que o Benfica estava sempre atrás de FC Porto e Sporting, deu no entanto para Luís Filipe Vieira manter quase intacto o apoio generalizado dos sócios do Benfica que o reelegeram em 2009.

 

Depois de tantas vitórias é que já questionam a sua gestão?!?... 

 

O caso do Sporting é bem diferente. 15 anos sem vencer o título faz com que exista pouca cultura de exigência, todavia, nos últimos 4 anos, nunca o Sporting e os seus sócios foram tão maltratados para tão poucos resultados desportivos [1 Taça de Portugal e o resto foi folclore].

 

Aliás, basta assistir aos monólogos do senhor Azevedo precisamente nas Assembleias-Gerais. Os sócios foram reduzidos a meros fantoches que somente têm que aprovar o seu ordenado e ainda recebem sermões do que é ser do Sporting e como se devem comportar como sportinguistas!

 

A pouca oposição que existe nem se consegue organizar para fazer algum "barulho" numa Assembleia-Geral para assim tentar "mexer" com alguma coisa. 

 

Enquanto que o Benfica se tornou num clube super-exigente com quem já teve muitos méritos; o Sporting está-se a tornar num clube cada vez mais pobre em espírito critico, pois boa parte dos sócios e adeptos decidiu acreditar que Bruno de Carvalho é o Sporting e o Sporting é o Bruno de Carvalho. Se Bruno de Carvalho processar, ofender ou mentir aos sócios e adeptos - que lhe deram possibilidade de arranjar os dentes e de fazer uma lipoaspiração - estes nem se importam. Faz até parte da cultura deste Sporting.

 

As duas imagens que coloquei neste artigo são até bem elucidativas do actual contraste entre as massas associativas dos dois clubes.

 

De um lado o TetraCampeão que coloca mais de 1000 pessoas numa Assembleia-Geral bastante dividida com muitos tumultos pelo meio (um exagero como já referi); e do outro lado um clube que continua sem ganhar e que mete pouco mais de 100 pessoas numa Assembleia-Geral que mais não é do que assistir à missa do "dono" do Sporting e aprovar o seu respectivo ordenado.

 

Na Assembleia do Benfica os sócios entoam o "Benfica é nosso", enquanto que na Assembleia do Sporting "ele é o Sporting".

 

Aliás, se a Assembleia do Benfica foi o que foi, estão a imaginar o que seria se Luís Filipe Vieira cometesse o absurdo de exigir que os seus sócios passassem menos tempo no facebook pois caso contrário poderá cortar nas modalidades?... Estão a imaginar o que seria a Assembleia Geral se há uns dias atrás o presidente do Benfica fosse anunciar nos ecrãs do estádio que iria ser avô?...

 

Os benfiquistas podem estar a cair no erro de estarem a ser precipitadamente injustos e pouco coerentes com a ânsia de não deixarem de ganhar, mas o caso do Sporting é mais preocupante.

 

O Sporting enquanto clube caiu num buraco que do qual será muito difícil que tão cedo de lá saia. É fundamentalmente um problema de cultura e de identidade.

 

Um problema que deixa envergonhado qualquer sportinguista que sinta e conheça minimamente bem o Sporting Clube de Portugal.

"O Bruno de Carvalho é um problema dos sportinguistas"

Até os nossos rivais já começam a sentir um cansaço legitimo quando confrontados com as parvoíces de Bruno de Carvalho! Foi assim ontem com Jaime Antunes.

 

20627965_IWbZw.png

 

No outro dia Carlos Janela afirmou que não tem mais adjectivos e somente se limitou a dizer que mais tarde o país irá reflectir sobre o porquê de uma grande instituição ter sido entregue a uma pessoa assim. Nesse mesmo programa o representante portista também afirmou que se calhar as pessoas gostam, não querendo também tecer qualquer comentário...

 

Rui Santos no Tempo Extra afirmou que Bruno de Carvalho precisa de um médico e do respectivo tratamento.

 

Enfim, não haja dúvidas que Bruno de Carvalho já nem faz rir de tão parvo que é. "Simplesmente" arrasta a instituição Sporting para um desprezo tal, que os nossos rivais neste momento somente lançam um pequeno sorriso de indiferença.

 

Mas lá está: Bruno de Carvalho é um problema dos sportinguistas, e o clube será sempre aquilo que eles quiserem que ele seja.

coreano.jpeg

Mais sobre mim

imagem de perfil

O Cantinho de Alkmaar

Por um Sporting fiel aos seus pergaminhos

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D