Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Por um Sporting fiel aos seus pergaminhos

Os desabafos de fiéis Leões

Por um Sporting fiel aos seus pergaminhos

Os desabafos de fiéis Leões

'Leões' vão defrontar o Steaua Bucareste.

scp steua.png

 

O sorteio dos ‘play-offs’ da Liga dos Campeões de futebol foi favorável ao Sporting, que vai defrontar o Steaua Bucareste, o adversário mais acessível que lhe poderia ter cabido na antecâmara da principal prova continental de clubes.

Além dos romenos, o Sporting poderia ter tido como adversário na corrida à fase de grupos da liga ‘milionária’ os alemães do Hoffenheim, os turcos do Basaksehir, os suíços Young Boys – que golearam o Benfica por 5-1 durante a pré-época - e os franceses do Nice.

Hoffenheim e Nice vão proporcionar os confrontos mais apelativos dos ‘play-offs’, frente aos ingleses do Liverpool, pentacampeão europeu (1977, 1978, 1981, 1984 e 2005) e aos italianos do Nápoles, enquanto o Basaksehir e o Young Boys tentarão contrariar o favoritismo dos espanhóis do Sevilha e dos russos do CSKA Moscovo.

O Sporting voltou a ser bafejado pela sorte, depois de já ter beneficiado de uma conjugação improvável de resultados, que lhe permitiu entrar com estatuto de cabeça de série no sorteio destinado às equipas que não se sagraram campeãs nacionais.

A equipa lisboeta precisava, pelo menos, que quatro clubes, de um total de cinco, composto por Ajax, CSKA Moscovo, Dínamo Kiev, Viktoria Plzen e Club Brugge, fossem eliminados na terceira pré-eliminatória da prova e o cenário concretizou-se, com apenas os moscovitas a seguirem para os ‘play-offs’.

O Plzen foi precisamente a equipa eliminada pelo Steaua, que empatou 2-2 em casa e venceu por 4-1 na República Checa e terá alguma vantagem relativamente aos ‘leões’ por já estar em plena atividade no campeonato romeno, ainda que apenas tenham sido disputadas três jornadas.

O Steaua é o maior clube romeno, recordista de títulos nacionais, com 26 troféus – o rival Dínamo Bucareste é segundo, com 18 -, mas já não se sagra campeão há dois anos e está longe dos tempos de glória internacional, que lhe valeu a conquista da Taça dos Clubes Campeões Europeus, em 1986, numa final frente ao FC Barcelona.

A equipa da capital, na qual alinha o veterano médio português Filipe Teixeira, de 36 anos, recém-contratado ao Astra Giurgiu, ocupa o terceiro lugar, em igualdade pontual com os dois primeiros classificados, o FC Botosani e o FC Cluj.

Quando defrontar pela primeira vez a equipa ‘leonina’, no Estádio José Alvalade, a 15 de agosto, os romenos terão, no entanto, oito encontros oficiais disputados, contra apenas dois do Sporting, com Desportivo das Aves e Vitória de Setúbal, nas duas primeiras rondas da I Liga.

Após a partida da segunda mão, marcada para 23 de agosto, em Bucareste, saber-se-á se o Sporting conseguiu juntar-se ao Benfica e ao FC Porto na fase de grupos da Liga dos Campeões, para a qual os rivais estão automaticamente qualificados.

Na designada via dos campeões, destaca-se a presença do Celtic, campeão europeu em 1967, no Estádio Nacional, em Oeiras, que vai defrontar o FC Astana, tricampeão do Cazaquistão.

 

sapo des.png

 

 

 

 

Mais sobre mim

imagem de perfil

O Cantinho de Alkmaar

Por um Sporting fiel aos seus pergaminhos

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D